“Me despedindo deste amigo”

Ellie2

Elie Soffer – dono da HTC Modelismo – Hobby Trade Center – nascido no Cairo-Egito onde viveu até perto dos 10 anos quando a família mudou para o Brasil. Desde lá já era interessado por história e miniaturas onde buscava informações em livros e revistas que continham algumas miniaturas para montar.

Em seu novo país, como todo imigrante, teve que mostrar que era sempre melhor, pois como sempre dizia em conversas informais, “mesmo não sendo verbalizado, o preconceito podia ser sentido no olhar das pessoas”, então ele fez aquilo que sempre foi ensinado a fazer: trabalhar e estudar muito para poder vencer na vida, muitas vezes com sacrifícios que o corpo nos cobra mais tarde.

Cursou a Faculdade de Filosofia da USP se formando em História – Ciências Sociais e Teoria Politica em 1972 – Foi professor e elogiado por muitos alunos que tive a oportunidade de conhecer quando entravam na loja e relatavam que tiveram aulas com ele no Cursinho.

Mas ele tinha um sonho, transformar seu hobby em um negócio, e aí que eu entrei junto neste sonho que sempre foi o meu também. Pois desde que ele começou a fornecer modelos para a Kit Center, que foi a primeira loja que eu trabalhei, nós começamos a dividir este sonho, então depois que a loja fechou, continuei trabalhando em casa com a carteira de clientes da loja e o fornecimento dele por mais de um ano até ir gerenciar outra loja.

Mantivemos contato sempre e neste período já no início dos anos ’90 ele cogitou a ideia de abrir uma loja diferenciada, nos moldes daquelas que só víamos fora do Brasil e veio o convite pra participar deste projeto que foi inaugurado em Julho de 1993, em uma grande loja de 400m² no bairro nobre dos Jardins, na Alameda Itu. Ali surgiu a maior loja de plastimodelismo que o Brasil já teve, com ambientes divididos por setores de venda e como atendentes, tínhamos vendedores modelistas, que entendiam tudo sobre aquilo que estavam vendendo…

E o sonho de um menino se realiza e leva junto com ele o sonho de vários outros que por décadas foram incentivados e mantidos assim como sementes plantadas e regadas para que cresçam…

Foi muita luta e trabalho, sem férias, feriados ou folgas, trabalhando muitas vezes até de madrugada nos feriados de Natal pois já com 7 lojas sendo 5 de Shopping não tinha espaço para moleza e com o gênio forte que sempre lhe foi peculiar ele acabou cultivando muitas desavenças, sendo que eu fui uma destas, infelizmente.

Após muitas crises financeiras que nosso país nunca consegue resolver e sempre quem paga a conta sãos os trabalhadores e empresários que pagam os impostos, o baque forte veio em 1999 depois de mais planos de governo, e a minha historia junto ao sonho da HTC começou a se quebrar, dai para frente aquelas discussões costumeiras que nós sempre resolvíamos, começaram a se arrastar junto com os problemas que a empresa carregava com fechamento de unidades e dispensa de funcionários para tentar sobreviver… Até que chegou a minha vez neste pacote, e ai só sobraram as “farpas” e brigamos feio, cada um defendendo a sua visão do que era verdade…

Com o tempo aprendemos que não existe verdade absoluta e sim visões individuais de uma verdade equivocada onde a única coisa que importa pra todos nós é o aprendizado, e pra isto dependemos uns dos outros.

Depois de um grande desgosto da minha parte, me afastei do mundo do hobby por longos 13 anos e tive depressão após perder tudo o que achava que era sucesso e quase pensar em me matar por não aguentar tanta perda… Deus me segurou…

O tempo passou… A poeira abaixou… A vida mudou… Nós pudemos aprender com este tempo (mesmo sendo teimosos os dois).

Em meu retorno ao hobby em 2014, através da abertura da Oficina do Ralph, fiz uma visita a loja HTC da Rua Jaguaribe, tentando rever o Elie, mas como ele não estava, deixei uma carta com meu pedido formal de desculpas por tudo o que eu poderia ter feito que o tivesse prejudicado e magoado, mas que queria que soubesse que eu o tinha como uma das pessoas mais importantes na minha vida e que gostaria que soubesse disto, e que estaria a disposição dele para conversar quando ele quisesse… Só estou relatando isto agora pois só interessava a nós dois…

Não recebi um retorno imediato, mas em 2015 quando nos encontramos no Open do GPPSD no PAMA, pudemos nos cumprimentar e nos olhar, sem trocar palavras, mas com respeito e afeto, e espero que isto tenha acalmando o coração dele sobre aqueles problemas todos que passamos e que tudo tenha se dissolvido com o tempo.

Quiz dividir isto tudo com vocês pois acho importante que todos nós reflitamos em nossas vidas e não nos deixemos levar por coisas que não tem valor… Não podemos confundir coisas que tem preço com sentimentos que tem valor de vida… Perdemos oportunidades únicas de sermos realmente felizes por conta de um sentimento mesquinho, de acharmos que estamos certos por algo que é uma ilusão, pois nesta vida só aprendemos e a única oportunidade que temos de ser felizes é realizando sonhos….

Por isto meu amigo Elie, lhe sou muito grato em sua nobreza de dividir a realização do seu sonho comigo e com tantos outros que hoje tem uma grande historia pra contar e lembrar graças a você.

Você foi um guerreiro até o final, e como os grandes esportistas que sonham em ter o seu último suspiro fazendo aquilo que amam… você foi agraciado com esta benção divina de nos deixar enquanto trabalhava na sua loja, e mesmo triste com sua partida fico em paz com este sinal divino de que a sua missão foi cumprida com louvor, e isto me alivia.

Agradeço a todos que se dispuseram a ler tudo isto, mas é o mínimo que este homem merecia de minha parta pela importância que teve na minha vida…

Quero agradecer também meu irmão Fernando Rezende por levar minha mensagem a família na impossibilidade de comparecer nesta despedida.

– lehitra’ot – shalom

Ralph Zeppelini

Foto: Hélvio Romero/Estadão

About Ralph Zeppelini

É um louco por carros, modelista com mais de 30 anos de experiência profissional no hobby e praticante há 45 anos porque herdou a prática desde a infância com seu paizão Sr. Ralphi. É esposo da Lígia, pai de 6 princesas e têm a “Oficina do Ralph” como sua “filha caçula”. Daqueles caras carismáticos que faz amigos por onde passa e no seu melhor momento “facilitador” é a figura que conduz o “Dia de Oficina”, iniciativa que roda o Brasil disseminando o hobby na prática! Fez parte da equipe da 1ª loja de autoplastimodelismo no Brasil, a KitCenter, também gerenciou a maior rede de lojas do hobby, a HTC Modelismo. Criou com sua esposa o 1º Grupo de Venda e Troca de Sucatas do Modelismo no facebook com quase de 4000 membros, onde contribui para a cultura da colaboração e desapego neste mercado.